quarta-feira, 8 de outubro de 2014

O MUNDO DE APU - 1959

Apur Sansar, 1959
Satyajit Ray, legendado
Formato: MKV
Áudio: Bengali
Legendas: PT e EN
Duração: 100 min.
Tamanho: 689 MB
Servidor: MEGA (Parte Única)

LINK


SINOPSE
Apu é um estudante desempregado que sonha com um futuro como escritor, mas não tem dinheiro para seguir o conselho do seu professor e fazer a universidade. Certo dia Apu é visitado por Pulu, um amigo de longa data, que o convence a acompanhá-lo ao casamento da sua prima Aparna na aldeia ancestral deles.

No dia do casamento o noivo revela-se perturbado mental e o casamento é cancelado. Mas os convidados seguem a rigorosa tradição de que uma vez marcada a data auspiciosa do casamento, a noiva tem de se casar ou nunca mais se poderá assim unir. Para que a sua prima não fique impedida para sempre de se casar, como exige a tradição, Pulu pede a Apu que substitua o noivo tornando-se ele noivo de Aparna. Depois da sua recusa, tendo em conta o destino que vai cair sobre Aparna, e ainda sem ter visto a sua futura noiva, Apu acaba por concordar e casa-se. O casal regressa a Calcutá e desenvolve-se uma boa relação amorosa. Entretanto Aparna morre de parto e Apu, desvairado pela dor, culpa o filho recém-nascido pela morte da sua mulher.

Com o coração partido e a vida desfeita, Apu recusa as suas responsabilidades e abandona Calcutá para perambular por toda a Índia, deixando o filho Kajal com os seus avós. Uns anos mais tarde Pulu descobre que Kajal não está a ter a educação que precisa e decide procurar por Apu. Encontra-o numa pedreira e convence-o a assumir responsabilidade pelo filho. O reencontro com o filho não é fácil pois este não conhece o pai, mas, eventualmente, acaba por aceitá-lo como amigo e vai viver com ele para Calcutá.
Fonte: Wikipedia
Notação IMDB: 7,9


Ficha Técnica e Capturas de Ecrã



3 comentários:

  1. Me impressiona o material que se é conseguido aqui. Verdadeiras relíquias e material de qualidade pra quem é apreciador da sétima arte e quer sair da mesmice. Esse post é mais um exemplo disso. Padrão de qualidade. Muito obrigado ao fesamax pelo post. É um verdadeiro presente pra nós.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pelas tuas palavras, Adailson.

      Excluir

Política de moderação do comentários:
A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários. Dessa forma, o Convergência Cinéfila reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética, ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Para a boa convivência, o Convergência Cinéfila formulou algumas regras:
Comentários sobre assuntos que não dizem respeito ao filme postado poderão ser excluídos;
Comentários com links serão automaticamente excluídos;
Os pedidos de filmes devem ser feitos no chatbox.

Att.,
Convergência Cinéfila