terça-feira, 14 de agosto de 2012

UMA CIDADE SEM PASSADO - 1990

Das Schreckliche Mädchen, 1990
Legendado, Michael Verhoeven
Classificação: Excelente


Formato: AVI
Áudio: alemão
Legendas: português
Duração: 94 min.
Tamanho: 700 MB
Servidor: Mega (Parte única)

LINK

SINOPSE
Sonja (Lena Stolze), uma adolescente da Bavária, quer escrever um ensaio sobre o impacto do nazismo em sua aldeia. Rapidamente ela se transforma em objeto de escárnio dos habitantes da cidade, que têm muito a esconder. Mas a provinciana e católica Pfilzing não consegue abater o ânimo da jovem, que decide lutar sozinha contra os poderosos locais para obter os arquivos de perseguição aos judeus e comunistas.

Fonte: Cineclick
The Internet Movie Database: IMDB


ANÁLISE

HISTÓRIA, MEMÓRIA E SILÊNCIO NO FILME  
"UMA CIDADE SEM PASSADO"

por Caio César Santos Gomes


Uma cidade sem passado (Das Schreckliche Mädchen) é um filme alemão lançado em 1990 e tem direção de Michael Verhoven. O filme, baseado em fatos reais conta a história da jovem estudante alemã Sonia Rosenberger (Lena Stolze), que após ganhar um concurso de redações recebe uma proposta para participar de uma nova competição e para isso, deve escolher entre duas temáticas: Liberdade de expressão na Europa ou minha cidade natal durante o III Reich. Estimulada pelas histórias que ouvia desde criança, Sonia decide mostrar como a cidade e principalmente a Igreja se mantiveram íntegras durante o período do III Reich.
Uma das características da produção são os depoimentos dos personagens ao longo do filme. Cada um comenta sobre a pesquisa desenvolvida por Sonia o que dá ao filme uma característica de filme documentário. A própria Sonia é a narradora da história. Outra característica importante é o fato da primeira parte do filme, que mostra a infância e adolescência da protagonista ser em preto e branco e a segunda parte, o desenvolvimento da trama propriamente dita ser colorida. Essa característica é utilizada para chamar a atenção do espectador para a parte principal do filme, por isso as duas formas de exibição, uma um pouco monótona e outra mais chamativa
A trama começa quando a Sonia dá os primeiros passos em busca de informações sobre o passado, visitando instituições de pesquisa e ouvindo as versões das pessoas mais próximas sobre os fatos ocorridos na cidade durante o III Reich. Apesar da dedicação, as informações obtidas além de escassas, não oferecem os subsídios necessários para o desenvolvimento do projeto. As pessoas envolvidas se limitam a dar informações que possam contribuir para o desenvolvimento do trabalho, alegando não lembrar o que acontecia na cidade ou mencionando apenas as histórias que envolvem o prefeito da época pelo fato deste ser o “único” nazista declarado. Relembrar um passado marcado por situações traumatizantes é o mesmo que remexer em uma ferida que ainda não cicatrizou completamente. Sendo assim, o silêncio no filme surge como uma alternativa eficaz para o esquecimento de memórias desconfortáveis ou comprometedoras.

Para ler o artigo completo acesse mnemocine


















































































2 comentários:

  1. Também é possível assistir este filme no youtube:

    http://www.youtube.com/watch?v=WNXjqc4aXds

    Só um detalhe: o áudio está mt baixo.

    Bem, esta é uma sugestão. Aproveitem ... !!!!!!!!!!!

    Bom blog, continuem assim.

    ResponderExcluir
  2. Obrigada por postarem esse filme! Não o encontrava em local algum.

    ResponderExcluir

Política de moderação do comentários:
A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários. Dessa forma, o Convergência Cinéfila reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética, ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Para a boa convivência, o Convergência Cinéfila formulou algumas regras:
Comentários sobre assuntos que não dizem respeito ao filme postado poderão ser excluídos;
Comentários com links serão automaticamente excluídos;
Os pedidos de filmes devem ser feitos no chatbox.

Att.,
Convergência Cinéfila