terça-feira, 23 de outubro de 2012

O HOMEM MOSCA - 1923

Safety Last!, 1923
Fred C. Newmeyer e Sam Taylor

Formato: AVI
Aúdio: -
Legenda: Português
Duração: 73 minutos
Tamanho: 699 Mb
Servidor: Zippyshare
LINKS

SINOPSE
Homem parte para a cidade grande a fim de vencer na vida para agradar a sua namorada, e começa a trabalhar numa loja de departamentos. Quando ele organiza um concurso para escalar um edifício alto afim de receber 1000 dólares de seu gerente, ele mesmo acaba indo parar à beira da morte. A cena principal foi criada sem o uso de dublês.
Fonte: Cineplayers

TRAILER

SOBRE HAROLD LLOYD

Harold Lloyd, juntamente com Charles Chaplin e Buster Keaton forma a tríade do que há de melhor na entre os cômicos produzidos pelo cinema mudo. Seu personagem era um homem elegante, bem vestido, nada patético. Ele era o americano esperto, que conseguia vencer todas as dificuldades.

Desde criança Lloyd gostava de teatro, tendo trabalhado como ajudante em um. E foi fazendo amizade com os atores que ele entrou para o ramo. Em 1907 ele fazia sua primeira peça, “Tess of the D’Urbevilles”. Estudou arte dramática na Escola de arte dramática de San Diego. Depois de interpretar várias obras, chegou à conclusão que o que ele gostava de fazer mesmo era comédia. eu primeiro filme veio em 1912, ainda como figurante. Em 1914 foi contratado para fazer um personagem que se chamava Willie Work. Depois disso Mack Sennett chegou a contrata-lo, mas o resultado foi tão ruim que ele foi demitido logo em seguida. Ele voltou para o seu emprego anterior e interpretou um personagem que lembrava muito o vagabundo de Chaplin.

Mas o sucesso veio mesmo com o almofadinha esperto: Lloyd incorporou os óculos, o chapéu de pallha e o colete alinhado. Nas suas cenas, ele dispensava os dublês e fazia ele mesmo as mais perigosas. Inclusive, durante as filmagens de “Safety Last” (1923) , ele ficou pendurado nos ponterios de um relógio no alto de um prédio (de muitos andares). Além disso já havia perdido um dedo numa cena de explosão de um filme anterior. om o advento do cinema mudo, sua popularidade foi diminuindo e Lloyd acabou por se aposentar. Rico. Muito rico. iveu tranqüilamente até sua morte em 1971.



 

7 comentários:

  1. Ótima dica.

    Este é um clássico que ainda não assisti.

    Abraço

    ResponderExcluir
  2. Fenomenal....

    Um instante congelado no tempo....

    Hoje vemos milhares de filmes - sem valor estético algum - criados quase que inteiramente em computação gráfica....

    Mas o público está pouco a pouco percebendo - e rejeitando - estes exageros.....vejam o final, log ona primeira temporada de séries que prometiam...como ALCATRAZ e TERRA NOVA.....morreram pelo excesso de efeitos....

    Quando terminar minha "time machine" vou enviar vários computadores para os grandes diretores do século passado....principalmente para Fritz Lang, Friedrich Wilhelm Murnau, Leni Riefenstahl.....e veremos o resultado final, deste lapso temporal....

    Peter Hammill - SP

    ResponderExcluir
  3. Caro Hilarius, não consegui abrir a primeira parte, diz que está corrompido etc. Será que tem como vc reupar? Grande abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Robson, vou baixar o arquivo para ver se ocorre o mesmo problema.

      Att.,
      Hilarius

      Excluir
  4. quinta feira dia 25 as 10:38!
    acabei de abaixar e descompactei e esta tudo ok!
    não deu problema nem um!
    obrigado por compartilhar esta obra faz um bom tempo que desejava ver esta obra!
    PS: antes não tinha uma opção anonimo?

    E caro robson, o jeito e abaixar novamente!
    dica! veja se todas as partes estão com o mesmo tamanho, ficando de fora somente a ultima que sera sempre menor! se caso ver um com dirença ja sabe, este esta comrrompido, tente novamente, belezinha?

    elcioch

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Elcioch, é isso mesmo, acho que ocorreu algum no download do Robson, pois também baixei e extrai sem qualquer problema.
      Então peço que você baixei novamente os arquivos e verifiquei se foram baixados em sua totalidade.




      Att.,
      Hilarius

      Excluir

  5. Elcioch, preferi retirar a opção de comentários anônimos para que, em caso de algum problema mais grave, pudéssemos saber a origem do comentário. É também uma forma de moderar essa parte do blog e "filtrar" os usuários mais ativos.

    ResponderExcluir

Política de moderação do comentários:
A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários. Dessa forma, o Convergência Cinéfila reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética, ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Para a boa convivência, o Convergência Cinéfila formulou algumas regras:
Comentários sobre assuntos que não dizem respeito ao filme postado poderão ser excluídos;
Comentários com links serão automaticamente excluídos;
Os pedidos de filmes devem ser feitos no chatbox.

Att.,
Convergência Cinéfila