terça-feira, 12 de novembro de 2013

FRANCES HA - 2013

Frances Ha, 2013
Noah Baumbach

Formato: AVI
Aúdio: Inglês
Legenda: Português
Duração: 86 min.
Tamanho: 709 MB
Servidor: Mega


SINOPSE
Frances mora em Nova York e é aluna numa companhia de dança, apesar de não ser bailarina. A jovem, que não tem o reconhecimento que esperava, se joga de cabeça em seus sonhos, mesmo que a possibilidade de realização seja pequena, e leva sua vida com leveza e alegria.
Fonte: O Globo


ANÁLISE


por Chico Fireman.

Frances Ha é um sopro de vida na produção audiovisual indie norte-americana, que cada vez mais mergulha em maneirismos e fica presa a fórmulas e perfis que se repetem à exaustão. O maior mérito do filme, para além da qualidade do texto, da realização ou das interpretações, está em seu frescor. O longa de Noah Baumbach é ambientado no mesmo cenário dos filmes independentes nova-iorquinos, passeia por temáticas semelhantes aos dramas dos protagonistas destas obras, mas evita os ranços comuns a essas segmento, cada vez mais preguiçoso, apostando na representação dentro de seu nicho e cuja voz tem um alcance mais limitado. De uma maneira geral, Frances Ha enxerga a complexidade das relações humanas numa grande cidade de uma forma mais natural, mas sem que isso signifique que a vida seja mais fácil para a personagem principal.
A personagem principal do filme de Baumbach, embora namore com vários estereótipos, termina não se encaixando em nenhum. Ela faz dança moderna, tem uma melhor amiga editora, vive no circuito alternativo da cidade, discute filmes e livros, mas parece muito mais tentar se encaixar nas turmas de hipster, indies, culties, artistas e intelectuais do que representar necessariamente algum destes grupos. O jeito desajeitado de Frances torna a personagem mais honesta, seus diálogos são mais simples e sinceros, suas danças malucas na praça parecem autênticas, um conjunto que deixa seus dramas – e eles não existem, embora ela os negue – mais próximos do espectador do que os faniquitos que os protagonistas de Girls (aqui representados por Adam Driver) começaram a desenvolver, para ficar num exemplo mais recente.
Continue lendo no Filmes do Chico







3 comentários:

Política de moderação do comentários:
A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários. Dessa forma, o Convergência Cinéfila reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética, ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Para a boa convivência, o Convergência Cinéfila formulou algumas regras:
Comentários sobre assuntos que não dizem respeito ao filme postado poderão ser excluídos;
Comentários com links serão automaticamente excluídos;
Os pedidos de filmes devem ser feitos no chatbox.

Att.,
Convergência Cinéfila